terça-feira, 8 de dezembro de 2009

PESQUISADORES DETECTAM PROTEÍNA QUE AJUDA A ELUCIDAR A ORIGEM DA ENDOMETRIOSE

Olá companheiras de endo, resolvi colocar está pequena matéria aqui pois existem médicos dizendo que a notícia é falsa, como falsa se ganharam até prêmio??? Aqui estão todos os nomes dos autores da pesquisa, estou colocando está notícia também no outro post que havia escritoem 2009, não percam a esperança não. Médicos rindo de mim foi oque mais aconteceu em minha vida, no entanto me diziam vc vai perder os ovários, vai perder o útero,o seu mioma isso, o seu mioma aquilo, e estou aqui firme, forte com meus ovários limpos, meu útero limpo me preparando com ervas naturais para fazer uma fiv.

Força, esperança e perseverança a todas! Nandhara






Os genes da endometriose Da esquerda para a direita: Cíntia Camargo-Kosugi, Giovana Gonçalves, Hélio Sato, Eduardo Schor e Ismael Cotrim
Pesquisadores da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de São Paulo detectaram uma proteína que ajuda a elucidar a origem dessa doença, responsável por 60% dos casos de infertilidade feminina. E mais: descobriram que estimular sua produção pode frear esse problema.

Nome do trabalho: Estudo do efeito de transdução gênica com adenovírus recombinantes (p27) na endometriose

Autores: Cíntia Meirelles de Camargo-Kosugi;Giovana Aparecida Gonçalves; Ismael Dale Cotrim Guerreiro da Silva; Paulo D\'Amora Eduardo Schor; Hélio Sato; Manoel JBC Girão; Mayana Zatz; Mariane Secco; José Eduardo Krieger e Paula Vassallo


Instituições: Universidade Federal de São Paulo; Centro de Estudos do Genoma Humano da Universidade de São Paulo; Faculdade de Medicina e Instituto do Coração da Universidade de São Paulo

Fonte     http://saude.abril.com.br/premiosaude/finalistas-saude-mulher.



19/11/2009 - Da Redação
Doença, caracerizada pelo crescimento anormal da parede do útero, atinge 6 milhões de brasileira e é responsável por 60% dos casos de infertilidade feminina
Avalie esta matéria: | 1 avaliações tamanho da fonte


Cerca de 6 milhões de brasileiras perdem o sono quando o assunto é a endometriose - um mal caracterizado pelo crescimento anormal da parede interna do útero, que os médicos chamam de endométrio. A origem da doença ainda não foi esclarecida. Uma coisa é certa: ela prejudica seriamente a fertilidade feminina.

Para desvendar como surge o problema, um grupo de pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo, do Centro de Estudos do Genoma Humano e do Instituto do Coração - esses últimos ligados à Universidade de São Paulo -- partiu no encalço da proteína p27, que está envolvida no ciclo menstrual. "Constatamos que as mulheres com endometriose apresentam, no útero, uma menor expressão da p27 e que os genes relacionados a ela também possuem algum tipo de polimorfismo", explica a bióloga Cíntia Camargo-Kosugi, principal autora do estudo, que é finalista do IV Prêmio SAÚDE!, promovido pela revista SAÚDE É Vital! da Editora Abril.

Após a descoberta, os cientistas decidiram testar, em laboratório, um meio de acelerar a proliferação da proteína, o que, por sua vez, ajudaria a brecar o crescimento do tecido do útero. Amostras de endométrio foram utilizadas na experiência -- aliás, uma experiência de muito sucesso. "Conseguimos aumentar a expressão da p27 e, em consequência, a produção de células do endométrio foi controlada", comemora a pesquisadora.

13 comentários:

Nandhara Kaaran disse...

Um passo muito importante para a cura, finalmente acharam o fio da meada.

Andrea disse...

Gracas a Deus.Espero que nos ajudem mesmo,nao aquento mais sofrer com essas dores.

Daniella disse...

Falei sobre isso com três médicos que tratam endometriose em Belo Horizonte. Todos bem conceituados (um inclusive, citado neste blog). Todos "riram". Disseram que nem tiveram conhecimento desse estudo. Que deve ser apenas mais um "boato" mentiroso que corre por aí. Será que alguns médicos realmente não têm interesse em divulgar essa possível cura? Será que existe algum interesse por tras dessa não divulgação? Sei que fiquei tristezinha... Estava muito empolgada e achando que esse estudo pudesse levar a tratamentos rápidos, mas os médicos nem estão sabendo disso. Já experimentaram perguntar aos seus médicos sobre essa descoberta? O que eles dizem?

Nandhara Kaaran disse...

Olá Daniela olha só a nova matéria que coloquei pra provar que é verdade, tem até os nomes dos médicos envolvidos. Não desanime, eles vão chegar à cura sim!
Nandhara

Nandhara Kaaran disse...

Sejam seguidoras deste blog para acompanhar as notícias.Nandhara

Daniella disse...

Acabei de ver! Vou imprimir e levar na minha proxima consulta. Obrigada pela atenção. Bjs

Anônimo disse...

Tbem tenho endo, gostaria de saber como vc limpou o seu utero e quais as ervas que vc toma? Obrigda. Larissa

Cris Rangel disse...

Tbem tenho endo, gostaria de saber quais as ervas que vc toma? Obrigda.Cris.

Nandhara disse...

Olá Larissa e Cris, as ervas uxi amarelo e unha de gato podem ser usadas para problemas de útero, são mais comumente usadas para miomas, mas existem meninas com endo tomando essas ervas. As ervas chinesas também são boas desde que o tratamento seja acompanhado por fitoterapeuta. Coma bastante melão amarelo pois ajuda a limpar o útero. leiam os links sobre uxi amarelo e unha de gato.

Bjs
Nandhara

Anônimo disse...

oi nandhara minha filha esta com esse probema Endometriose a medica diz que nao se manifestou ainda mas ela tem um cisto no ovario ja estao penssando ate em cirurgia para retiralo essas ervas podem diminuir esse cisto ou ate mesmo acabar com ele? pq ela esta louca pra engravidar essas ervas podem serem tomadas todas juntas? obrigada ass; valeria

Nandhara disse...

Olá Valéria para mim funcionaram, mas não posso afirmar que funcionarão para todas, acredito em um bom tratamento com fitoterapeuta antes de pensar em cirurgia. Se sua filha for operar os ovarios diga para congelar os óvulos antes pois a cirurgia cauteriza e afeta os óvulos prejudicando a fertilidade e uma futura gravidez.Diga a ela que coma bastante melão amarelo para desfazer os coágulos da endometriose. Eu tomava as ervas em cápsulas pela manhã e a tarde, eu postei um video do fantástico aqui no blog que ensina como tomar os chás, dê uma olhada nele, as cápsulas podem ser tomadas da mesma forma, uma das ervas é tomada de manhã e a outra a tarde podem ser encontradas no site www.alimenatus.com.br ou mandadas manipular em farmácias de manipulação confiáveis.
Bjs
Nandhara

Nandhara disse...

Video globo reporter
http://www.youtube.com/user/chaecia?blend=18&ob=5#p/a/u/1/jsAtJG-908Y

Anônimo disse...

Ola Nandhara!
Minha namorada foi diagnosticada e tem emdometriose, no entanto sente os seguintes sintomas, cólicas muito fortes e dores na hora da relaçao, ela tem 20 anos. Há tempo de recuperar, curar? Essas capsulas tem que ter prescriçoes medicas? Qual o estagio da endometriose que ela tem, com esses sintomas?
Desde ja agradeço!